Antena Livre
Deseja receber notificações?
CIMT
PUB

Aeroporto: NERSANT expressa apoio inequívoco à solução de Santarém

20/10/2023 às 16:42

A NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém, “empenhada em promover o desenvolvimento económico da região de Santarém”, manifestou de forma inequívoca o seu apoio à implementação de uma solução aeroportuária em Santarém.

A convite do “Guia Comércio de Santarém / Cariz Observador”, a NERSANT integrou o debate "Aeroporto em Santarém - a escolha certa?", realizado no dia 17 de outubro, na sala de leitura Bernardo Santareno, em Santarém, e onde defendeu “de forma acérrima” a solução da implementação do novo aeroporto em Santarém.

Rui Serrano, diretor da NERSANT e presidente do Núcleo NERSANT de Abrantes, Constância, Mação e Sardoal, integrou a discussão, tendo expressado a posição unânime da associação empresarial a favor da concretização deste projeto estratégico na região de Santarém. “A NERSANT reconhece a necessidade premente de infraestruturas aeroportuárias adequadas e acredita que Santarém é o local ideal para a sua implementação, tendo em consideração a sua localização estratégica e o impacto positivo que terá na economia local”, referiu o diretor da associação, acrescentando que “este projeto irá gerar empregos, atrair investimentos e promover a sustentabilidade do nosso território, sendo por isso um projeto fundamental para impulsionar o desenvolvimento económico da região”.

No debate, a NERSANT comprometeu-se, ainda “a trabalhar ativamente com todas as partes interessadas no desenvolvimento deste projeto, com o objetivo de tornar o aeroporto de Santarém uma realidade concreta que beneficiará não apenas a região, mas todo o país”.

“Acreditamos na iniciativa privada, no desenvolvimento da região e essencialmente na coesão territorial. Está aqui em causa não o aeroporto de Santarém ou de Lisboa, mas o aeroporto de Portugal. Temos verificado o apoio de diversas regiões – evidenciadas hoje aqui por autarcas da Guarda, Leiria e Castelo Branco – e esta representatividade dá uma força enorme à dimensão que é necessária para esta discussão. Temos aqui a oportunidade de criar uma rede eficiente que passa pela criação não só de um aeroporto, mas de uma cidade aeroportuária. Isto vai transformar este território e vai muito além dele. É fundamental que estejamos preparados para as transformações do território e para levar avante este projeto, que é de prioridade nacional”, defendeu ainda Rui Serrano.

Para além do diretor da NERSANT, intervieram no debate Carlos Brazão, promotor do projeto Magellan 500 – que se propõe instalar o aeroporto internacional no distrito de Santarém – , Ricardo Gonçalves, presidente da Câmara Municipal de Santarém, Gonçalo Lopes, presidente da Câmara Municipal de Leiria, Leopoldo Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco, Sérgio Costa, presidente da Câmara Municipal da Guarda, Pedro Beato, vice-presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, Anabela Freitas, vice-presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro e David Dias, presidente da Aliança Empresarial do Distrito de Santarém. O debate foi moderado por Francisco Mendes e encerrou com algumas questões por parte de plateia.

De referir que projeto Magellan 500, liderado por Carlos Brazão, foi criado e desenvolvido ao longo de três anos por um consórcio de empresas privadas nacionais em colaboração com os agentes locais, propondo-se construir um aeroporto na região de Santarém. O projeto é uma das cinco opções estratégicas alternativas da Avaliação Estratégica para o aumento da capacidade aeroportuária da região de Lisboa.

Fotos: Nersant

Partilhar nas redes sociais:
Partilhar no X
PUB
Capas Jornal de Abrantes
Jornal de Abrantes - junho 2024
Jornal de Abrantes - junho 2024
PUB