Antena Livre
Deseja receber notificações?
CIMT
PUB

Evento histórico: Torres Novas espera mais de 80.000 visitantes nas «Memórias da História»

28/05/2024 às 12:42

Torres Novas espera mais de 80.000 visitantes nos cinco dias da edição deste ano das “Memórias da História”, que vai decorrer de quarta-feira a domingo, sob o tema “A Carta de Feira de 1273”, envolvendo centenas de figurantes.

Em comunicado, o município salienta que o evento, que nos últimos 13 anos tem vindo a recuperar “os mais importantes momentos do passado de Torres Novas”, faz recuar o tempo no centro histórico da cidade, que se enche de festa e das cores e sons da época, envolvendo 40 companhias de animação de todo o país, com performances de teatro, música, dança e recriação histórica.

Ao longo dos cinco dias do evento, será possível “participar em oficinas temáticas, experienciar cheiros e sabores da época, assistir a momentos de recriação, de teatro, música e dança ou simplesmente passear pelo recinto, apreciando os produtos e iguarias que os mercadores têm para oferecer”, refere a Câmara Municipal de Torres Novas, no distrito de Santarém.

Ainda de acordo com o município, estarão presentes 120 expositores a comercializar os mais diversos produtos, desde a área alimentar ao artesanato.

“A cidade vai recuar até ao século XIII, quando Afonso III reinava em Portugal há cerca de 30 anos. Após várias contendas com o seu já falecido irmão, D. Sancho II, e depois da conquista definitiva do Algarve, El-Rei pacificou o território e pôs fim às lutas com Castela, casando com D. Beatriz, filha de Afonso X de Castela, o Sábio”, lê-se na nota da autarquia.

Ao longo dos cinco dias da feira são esperados “cerca de 80 000 visitantes” que poderão “conhecer as 15 diferentes áreas temáticas ou participar nas também 15 diferentes oficinas e demonstrações de ofícios” que integram o programa, acrescenta a Câmara Municipal.

Para envolver os jovens na recriação histórica, na manhã de sexta-feira “mais de 1.000 crianças do pré-escolar e do 1.º ciclo das escolas da rede pública e privada” do concelho vão participar no cortejo ‘Alvíssaras aos Petizes’.

As “Memórias da História” representa um investimento de cerca de 300 mil euros do município de Torres Novas, “parcialmente compensado com a venda de ingressos e de espaços”, refere ainda a autarquia.

Durante a iniciativa, a pulseira livre-trânsito para os cinco dias tem um custo de 10 euros, enquanto a pulseira diária custará seis euros, com descontos para famílias e maiores de 65 anos e entrada gratuita para crianças até aos 12 anos (inclusive).

Lusa

Partilhar nas redes sociais:
Partilhar no X
PUB
Capas Jornal de Abrantes
Jornal de Abrantes - julho 2024
Jornal de Abrantes - julho 2024
PUB