Antena Livre
Deseja receber notificações?
Município Abrantes
PUB

PSP: Agente que morreu em despiste em Sacavém era natural de Sardoal

10/08/2023 às 10:21

Uma agente da PSP morreu na madrugada de hoje e outros três ficaram feridos num despiste do carro patrulha em que seguiam, em Sacavém, no concelho de Loures.

Segundo fonte do Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, a agente que morreu, de 28 anos, conduzia a viatura que se despistou por baixo do viaduto da auto-estrada A1, cerca da meia noite, quando respondia a uma ocorrência em Camarate. Trata-se de Ana Teresa Roldão e era natural de Sardoal. A Antena Livre sabe que Ana Roldão se licenciou em Hotelaria mas viria depois a ingressar na Polícia de Segurança Pública.

Os outros três ocupantes da viatura eram um agente e dois estagiários que seguiam na parte de trás do carro.

O agente foi transportado para o Hospital de S. José e foi operado a uma perna, enquanto os estagiários foram ambos para o Hospital de Santa Maria.

Um dos estagiários, que sofreu uma fratura na perna e outra no pulso, já teve alta e o outro, que sofreu várias fraturas na perna e lesões graves na face, ainda está internado.

A mesma fonte explicou ainda que o carro patrulha respondia a uma ocorrência em Camarate, onde uma viatura estava a impedir a passagem de uma ambulância.

O Presidente da República lamentou hoje a morte de uma agente da PSP, num despiste do carro patrulha em que seguia, endereçando a “sua solidariedade e os mais sentidos pêsames” à família.

Numa nota divulgada na página oficial da Presidência da República, Marcelo Rebelo de Sousa diz ter sido “com profunda consternação” que tomou conhecimento do “falecimento em serviço da agente da Polícia de Segurança Pública (PSP) Ana Roldão, bem como do estado de saúde do agente Jaime Sousa e dos alunos do curso de formação de agentes, Pedro Ramos e Luís Rodrigues”.

“O Presidente da República apresenta à família enlutada a sua solidariedade e os mais sentidos pêsames pela vida perdida no cumprimento da sua missão, sentimentos que estende à PSP e deseja as rápidas melhoras ao agente e aos alunos feridos”, lê-se na nota.

O ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, já emitiu uma nota de pesar onde se lê ter recebido “com enorme consternação e profunda tristeza, a notícia da morte em serviço da agente da Polícia de Segurança Pública Ana Roldão. Neste momento de grande dor e luto quero deixar, em meu nome e do Governo, uma palavra de solidariedade e os mais sentidos pêsames à família, aos amigos e à Polícia de Segurança de Pública”.

Deixou ainda “uma palavra de gratidão a todos os polícias que, diariamente, dão o melhor de si e colocam a vida em risco na defesa da comunidade e do Estado de Direito. Aos três agentes que ficaram feridos no mesmo acidente, e que tiveram de ser internados”, desejou as rápidas melhoras e a certeza de que tudo será feito no sentido da sua recuperação.

À família de Ana Teresa Roldão, a equipa da Antena Livre, Jornal de Abrantes e Rádio Tágide apresenta as mais sentidas condolências.

C/ Lusa

 

Partilhar nas redes sociais:
Partilhar no X
PUB
Capas Jornal de Abrantes
Jornal de Abrantes - fevereiro 2024
Jornal de Abrantes - fevereiro 2024
PUB