Antena Livre
Deseja receber notificações?
CIMT
PUB

Frio: Massa de ar polar substituída por outra mais quente, mas temperatura desce quinta-feira - IPMA

8/01/2024 às 18:23

Uma massa de ar polar tem originado temperaturas inferiores ao normal para esta época, temporariamente substituída por outra de origem marítima, mas uma massa de ar polar continental irá provocar nova descida da temperatura na quinta-feira, informou hoje o IPMA.

De acordo com um comunicado do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), “o estado do tempo em Portugal continental tem sido influenciado por uma massa de ar polar, que tem dado origem a temperaturas ligeiramente inferiores ao normal para a época do ano”.

A partir da tarde de hoje, “essa massa de ar será temporariamente substituída, essencialmente nas regiões Centro e Sul do território do continente, por outra de origem marítima, mais quente, transportada por uma depressão centrada a oeste/noroeste da Península Ibérica”, que provocará “nebulosidade e precipitação e uma subida da temperatura mínima” na terça-feira, avançou o IPMA.

Segundo a nota, a partir do final da tarde de quarta-feira, “uma massa de ar polar continental, com origem na região da Escandinávia, irá gradualmente invadir o norte da Península Ibérica, e posteriormente o sul, resultando em nova descida da temperatura, em especial da mínima” na quinta-feira.

“Assim, no dia 11, esperam-se temperaturas mínimas entre -5 e 0°C no interior Norte e Centro, sendo entre 1 a 5°C no interior Sul e litoral Norte e Centro, e até 8°C no litoral Sul”, lê-se no comunicado.

O IPMA acrescentou que, na sexta-feira, “prevê-se uma nova descida da temperatura mínima, da ordem de 2 a 4°C, pelo que se poderá atingir valores até -8°C em alguns locais do nordeste transmontano e Beira Alta, e perto de 0°C em vários locais do litoral, em especial do Norte e Centro”.

“Como tal, está prevista a formação de gelo ou geada, em especial no interior Norte e Centro, onde terá impacto mais significativo na circulação rodoviária”, salientou.

Para quinta e sexta-feira, as previsões apontam que “a temperatura máxima deverá variar entre 4 e 8°C no interior Norte e Centro, e entre 8 e 14°C no interior Sul e litoral, e deverá ser inferior a 4°C em alguns locais do nordeste transmontano e Beira Alta, nomeadamente nas terras altas”.

“Por este motivo, será provável a emissão de aviso de tempo frio a partir de dia 11 para os distritos de Bragança, Vila Real, Guarda e Viseu, que poderão ser eventualmente estendidos a outros distritos”, admitiu o IPMA, salientando que foi emitido aviso amarelo de queda de neve para as serras do extremo norte, acima de 600/800 metros de altitude, pelo impacto que poderá ter por acumulação, entre o final de hoje e a madrugada de terça-feira.

O IPMA adiantou que, na terça e quarta-feira, “prevê-se a ocorrência de precipitação, em geral fraca, com uma probabilidade, entre 70 e 100% na generalidade do território no dia 9, sendo inferior a 70% nas regiões Norte e Centro no dia 10 e inferior a 50% na região Sul”.

“Nesses dias, a precipitação que ocorrer no extremo norte será sob a forma de neve aproximadamente acima de 600/800 metros de altitude (subindo para 1.000/1.200 metros durante o dia), e acima de 1.400/1.600 metros nas restantes serras”, refere-se na nota.

O instituto vincou, no entanto, “que existe incerteza na localização da precipitação, pelo que um ligeiro desvio será suficiente para impactar a previsão da neve, aconselhando-se o acompanhamento das previsões e da emissão de avisos meteorológicos nos próximos dias”.

Lusa

Partilhar nas redes sociais:
Partilhar no X
Palavras chave:
Frio IPMA
PUB
Capas Jornal de Abrantes
Jornal de Abrantes - abril 2024
Jornal de Abrantes - abril 2024
PUB