Antena Livre
Deseja receber notificações?
Município Abrantes
PUB

Investigação: Portugal integra projeto europeu que vai transformar paisagens aquáticas através da arte e ciência

21/01/2024 às 11:13

O projeto TIDAL ArtS foi financiado com sucesso com 2 milhões de euros, num esforço conjunto de várias organizações e países para enfrentar a atual crise climática e de biodiversidade. Em Portugal, o projeto será levado a cabo pelo Interactive Technologies Institute do Instituto Superior Técnico e pretende inspirar e transformar paisagens aquáticas através das artes e ciências, desafiando o pensamento binário que historicamente dividiu natureza e cultura. O projeto tem início agendado para meados de 2024 e conta com uma duração de 3 anos.

O projeto TIDAL ArtS vai criar residências artísticas e científicas num espírito interdisciplinar, reunindo artistas e investigadores, assegurando também perspetivas de outros seres vivos. O objetivo é sensibilizar para os desafios enfrentados pelo oceano e outras massas de água e inspirar a mobilização de ações criativas e circulares para a sua proteção e restauro. As residências serão instaladas em locais como a Lagoa das Sete Cidades, nos Açores, uma ilha no rio Danúbio, em Budapeste, o arquipélago Turku, no mar Báltico e a lagoa de Veneza.

O Interactive Technologies Institute é um dos parceiros do projeto e coordenador da Bauhaus of the Seas Sails, o único projeto da Nova Bauhaus Europeia (NEB) liderado por um país do sul da Europa, financiado com 5 milhões de euros em 2022. “Estamos entusiasmados por fazer parte do projeto TIDAL ArtS e contribuir para o importante trabalho de fomentar a empatia para com os ecossistemas aquáticos que necessitam de proteção”, afirmou Mariana Pestana, investigadora do Interactive Technologies Institute e Professora Auxiliar do Instituto Superior Técnico. “A nossa experiência em arquitetura, biologia e tecnologias interativas será usada para criar uma estrutura de apoio para que os artistas se envolvam com o contexto local e conheçam as complexidades das comunidades humanas e não-humanas encontradas em cada local”, acrescenta.

O projeto TIDAL ArtS é um esforço colaborativo entre o coordenador alemão Submariner Network for Blue Growth e parceiros em Portugal, Irlanda, Hungria, Alemanha, Finlândia, Espanha e Bélgica. Em conjunto, representam um manancial de conhecimentos especializados e perspetivas para fazer face à atual crise climática e de biodiversidade. O projeto visa promover cidades costeiras sustentáveis até 2030 e assegurar ligações entre as dimensões europeia e global do TIDAL ArtS, promovendo os resultados do projeto a nível internacional.

Daniel da Costa Ribeiro

Comunicador de Ciência

Partilhar nas redes sociais:
Partilhar no X
Palavras chave:
Investigação API
PUB
Capas Jornal de Abrantes
Jornal de Abrantes - abril 2024
Jornal de Abrantes - abril 2024
PUB